Home Sérgio Machado 1 Minuto com Sérgio Machado: A diferença entre enquetes populares e pesquisas...

1 Minuto com Sérgio Machado: A diferença entre enquetes populares e pesquisas comprometidas de intenção de voto

Uma enquete não tem o mesmo valor de uma pesquisa feita por um instituto. Essa deveria ser uma máxima presente na mente daqueles que usam de má fé e achismos para espalhar pelos cantos da internet ou até mesmo nos ouvidos alheios as preferências eleitorais que possuem.

O exemplo mais básico que há é eleição municipal. É simplório questionar ao seu círculo de amigos em comum em quem os votos deles serão depositados. No entanto, não cabe nos moldes da verdade divulgar essa enquete interna de um grupo de convivência como se fosse a posição da população votante de uma cidade.

Pesquisa de intenção de voto tem método e estudo. Para isso há a Estatística, principal ferramenta usada pelos institutos quando estes são contratados por veículos de comunicação ou outros grupos para realizar esse tipo de levantamento em período eleitoral. São cálculos e mais cálculos pré-estabelecidos para o bem da veracidade – e honestidade.

Na mais óbvia realidade, cada um possui a sua opinião, mas não há como usá-la como se fosse senso comum. Enquete popular é como o famoso ‘fuxico’: começa pequeno, depois cresce e toma proporções que ninguém imaginava, e no fim, se descobre que era mentira.

A realidade de 2024 é outra. Tudo vai acontecer até o barulho da última urna. Correção: tudo está acontecendo. É só questão de tempo até o público ter conhecimento.

1 Minuto com Sérgio Machado

Deixe seu comentário:

Please enter your comment!
Please enter your name here